9 de ago de 2010

Querer

Sabe quando aquele vazio cansado de te preencher vem a tona de novo?
Sabe quando você olha pra frente e não quer mais continuar, quer parar?
Sabe quando você olha pra baixo e tudo embaça, dá vontade de se jogar?

Eu ando sabendo de mais, estou achando. Não quero mais pensar, é muita informação pra minha cabeça. Não quero chorar, não vejo motivo. Eu quero sair dessa tempestade de informação que não sei se é útil ou inútil. Muita gente vem, e, é difícil interpretar os sinais. Agora eu só quero ir fundo, bem fundo, chegar a não ver nada. Quero tapar os olhos, mas já não tenho mais visão. Eu quero. Eu quero deitar em colchões de alegria e esquecer de tudo que anda acontecendo. Mas ainda me dizem: "Querer não é poder".